Doenças Sexualmente Transmissíveis

Perguntas frequentes - 005
Home Page








P: O que vem a ser um portador assintomático em relação as DSTs?

R: É quando a pessoa é portadora de uma DST mas não apresenta sintomas. Como não apresenta sintomas não procura tratamento e dessa forma, continua a transmitir sua doença. Este é um dos fatores que justificam os exames preventivos e periódicos, principalmente em pessoas do sexo feminino.

P: Tenho 18 anos e estou namorando há 3 meses. Meu namoro está cada vez mais "caliente" e tenho uma série de dúvidas sobre o relacionamento sexual mas sempre que vou a ginecologista minha mãe vai junto, impedindo que eu aproveite a oportunidade de conversar abertamente com a médica. O que devo fazer? Será que poderia tirar algumas dúvidas com o senhor?

R: O teor de sua pergunta revela uma pessoa de bom senso. Parabéns. Estou disponível para ajudá-la mas aconselho que converse mesmo com sua médica. Uma conversa frente a frente, olho no olho é o mais adequado nestes casos. Sugiro que marque uma consulta e vá sozinha a ginecologista ou, se isto não for possível, que peça a sua mãe para que se retire do consultório num determinado momento, alegando que quer tirar algumas dúvidas com a médica e que a presença dela a constrangiria. Ao fazer isto na presença da médica ela certamente irá ajudá-la no convencimento da sua mãe para se retirar.

P: O exame para detectar o HIV é somente pelo sangue? E o exame preventivo que fazemos no ginecologista?

R: Sim, o HIV é detectado através do um exame de sangue específico. O preventivo serve para rastreamento de cancer ginecológico e detecção de outras infecções.

P: Caro Dr. gostaria de saber se, por exemplo, eu tiver contato sexual sem camisinha com meu namorado e ele colocar o pênis na minha vagina, por alguns segundos, sem ejacular, posso contrair alguma DST?

R: Pode. HPV, Herpes genital e Sífilis por exemplo. Claro que somente se ele estiver infectado.

P: O que vem a ser o cancro misto de Rollet?

R: São lesões ulceradas (cancros) em que se associam o cancro mole e o cancro duro (lesão primária da sífilis). Estas lesões apresentam características de ambas as doenças e ocorrem em 2 a 5% dos casos de cancros.

P: Gostaria de saber se a sífilis, mesmo sendo bem tratada, ainda poderá constar em exames de sangue feitos posteriormente? Fiz um tratamento na minha gravidez há cerca de 1 ano e recentemente fiz um exame de sangue que deu novamente positivo.

R: Eventualmente pode ocorrer o que se chama "cicatriz sorológica" em que os exames dão positivo mesmo que a pessoa esteja curada. Seu médico saberá o que fazer para esclarecimento dessa questão.

P: ... a minha mestruação estava bem no finalzinho e meu namorado não quis ter relação alegando ter visto na TV um documentário dizendo que ter relação com a mulher mestruada podem causar inflamações no pênis. Gostaria de saber se isso realmente é verdade?

R: Não há nenhum problema em se praticar sexo durante a menstruação. Desconheço tal documentário mas posso afirmar que ele não tem fundamento científico. Pode ser também que seu namorado tenha entendido mal pois o que é certo é que no período menstrual há maior susceptibilidade a transmissão de doenças, se um dos parceiros tiver alguma. Não deixe de usar camisinha, especialmente nesta circunstância.


P: ... tenho candidíase de repetição há 4 anos e não sei mais o que fazer. Já me tratei com os mais diversos cremes, anti fúngicos e nada. Meu marido também se trata mesmo não apresentando sintomas. Todo mês é a mesma coisa: antes da menstruação começam as coceiras e a secreção. Se tiver relação sexual nesse período é como se ao final eu estivesse me banhando com ácido, fora a terrível sensação de estar com vários cortes na região genital... Peço que pelo amor de Deus me ajude. Essa doença acaba com a minha auto-estima. Me sinto fracassada toda vez que vejo que um novo tratamento não funcionou. Por favor me ajude. Muito obrigada.

R: No seu caso deve ser considerada a hipotese de haver algum fator predisponente ainda não identificado que esteja determinando a perpetuação do problema. Eu sugiro que troque idéia sobre isso com seu/sua ginecologista ou que até procure um bom clínico geral para fazer esta abordagem. E melhore seu astral e auto-estima pois é sabido que a queda do humor diminue significativamente a ação dos mecanismos de defesa do organismo.

P: Há 3 dias a glande do meu pênis está meio inchada e avermelhada, alem de apresentar uma leve descamação e coceira. Tudo começou no dia seguinte de uma relação com minha namorada em que pela primeira vez não usei camisinha, pois ela começou a usar anti-concepcional. Minha namorada está apresentando uma ardência na vagina. O sr. poderia me dizer se estamos com alguma DST?

R: Sua descrição sugere candidíase. Procure um urologista e recomende a sua namorada que procure o(a) ginecologista pois esta infecção pode estar relacionada com o uso recente do anti-concepcional. Se tivesse usado camisinha teria sido poupado desta contaminação...

P: Tive uma uretrite por clamídia há cerca de 1 ano. Tomei o medicamento receitado pelo médico e fiquei curado em poucos dias. Há mais ou menos 20 dias os sintomas voltaram e eu tomei o mesmo medicamento mas não houve melhora. Pode isso ocorrer?

R: Os sintomas da uretrite por clamídia são inespecíficos. Pode ser uretrite por outra causa. Retorne ao médico para que sejam feitos alguns exames com a finalidade de estabelecer a causa da uretrite. Evite a automedicação pois ela funciona como uma roleta russa invertida: só dá certo às vezes.

P: Qual o melhor procedimento a adotar se durante uma relação sexual houver ruptura da camisinha?

R: Interromper imediatamente a relação, fazer uma boa higienização local e colocar outra camisinha. Procure sempre comprar camisinhas de marcas conhecidas e que tenham a chancela do IMETRO.





Perguntas frequentes
(Menu)

Introdução
Página 001
Página 002
Página 003
Página 004
.....
Página 006



Cancro Duro | Cancro Mole | Candidíase | Herpes Simples Genital
Gonorréia | Condiloma acuminado/HPV | Linfogranuloma Venéreo | Granuloma Inguinal
Pediculose do púbis | Hepatite B | AIDS | Infecção por clamídia | Infecção por trichomonas
Infecção por ureaplasma | Infecção por gardnerella | Molusco Contagioso
Anatomia Genital | Glossário | Sexo Seguro | Generalidades | Gravidez & DST

Topo | Home Page | Próxima